365 Dias de Amor Verdadeiro

Eu passei parte do fim de semana tentando achar palavras para explicar a importância desse dia para mim, de forma que fosse bem mais lindo do que tudo que ela já tenha lido. Acabei por pensar que, ou eu não sou tão bom assim com as palavras, ou é impossível mensurar em apenas em palavras, em um texto, a imensidão desse sentimento que está dentro de mim.

A gente nunca sabe quando vai conhecer o amor verdadeiro.

Pensando bem, passamos parte de nossas vidas pensando que provavelmente não conheceremos um amor realmente de verdade. Passei anos achando que eu devia lutar com tudo e com todos para encontrar um grande amor, briguei comigo mesmo muitas vezes, me sabotando e, enganando meus próprios valores pessoais. Mas a vida é cheia de deliciosas surpresas e, mesmo para quem perde todas as esperanças, há sempre algo ou alguém que renova todas as nossas forças.

Hoje fazem pouco mais de 8.760 horas, 525.600 minutos, 31.536.000 segundos que eu conheci o amor verdadeiro. Durante esse tempo, posso dizer que não houve sequer um momento em que tive qualquer motivo para duvidar desse sentimento. Foram provas e mais provas, de amor e de respeito, carinho de todas as formas possíveis, tirando de meu coração qualquer insegurança que adquiri durante os murros que dei em ponta de faca. Foi como se, no período de 1 ano ela tivesse construído uma casinha lá no meu coração, plantado um jardim de flores imenso, jogado fora tudo o que não prestava e completado de paixão, dedicação, verdade, zelo…invadiu as terras do meu coração, se fez dona e eu deixei, para sempre será e nunca hei de lhe cobrar nada.

Nossas almas se encontraram, finalmente. E foi uma explosão de cores e luzes, um sonho que se tornava realidade, o melhor ano de minha vida estava começando, eu queria aproveitar cada segundo. E a cada dia era uma nova paixão, aprendi a admirar sua dedicação, seu empenho e ao mesmo tempo comecei a tentar ser melhor também; vi também o amor explodir novamente quando conheceu a menininha mais linda do meu mundo, em reações que eu nunca tinha presenciado, sem timidez, sem vergonha ou medo, ela se entregou ao seus braços como eu fiz, como se já estivesse te aguardando por algum tempo. E esse anjo foi chegando e tomando o coração de todo mundo, com gestos simples, sorrisos lindos e hoje não só eu, mas todos ao meu redor já não sabem viver sem lembrar dela, ninguém mais consegue olhar para mim e não pensar nela também, eis a prova de que somos uma só alma.

Quando o amor é verdadeiro, a gente aprende todos os dias com ele, e eu tenho aprendido muito com ela. Hoje sou uma pessoa totalmente diferente, simplesmente por querer ser melhor, querer ser o melhor pra ela, e pra todos que eu amo. A maior dádiva do nosso amor, é nosso respeito, nossa amizade e cumplicidade, nossos inúmeros planos e sonhos, que graças a nossa determinação vão se tornar realidade um a um.

Hoje, depois de no mínimo 365 beijos e declarações (mas foram mais, a gente sabe), eu vejo que o destino realmente não faz sentido, e quando a gente se sentia perdido mal sabíamos que estávamos no caminho, prestes a dividi-lo a partir de então. Como sempre gostamos de falar, tenho certeza que, se não fosse naquele dia, nosso encontro iria acontecer, estava escrito, Deus quis assim e ele está feliz pelo nosso empenho em construir essa linda história.

Não havia respostas, mas também não havia dúvidas. Não conseguimos até hoje explicar o que aconteceu entre nós, só sabemos contar e contar com nossos sorrisos bobos de amor e os olhos marejados de emoção como nos (re)encontramos. Nossas almas se descolaram em algum momento da eternidade e, dês de então procurávamos nossas metades por aí. Aí então, naquela madrugada em que nos tocamos pela primeira vez, foi como se nos grudássemos como dois chicletes na sola do mesmo sapato. Hoje eu não vivo mais sem ela, sem o seu jeito de ser, faz um ano e parece que faz 10.000 que nos conhecemos, ao mesmo tempo parece fazer 1 semana que te vi (de novo) pela primeira vez. Ainda sinto aquele frio na barriga quando vou vê-la, e fico que nem bobo escolhendo a roupa que ela mais vai gostar. Eu a prometo, por nosso primeiro e lindo ano, e por todos os outros a seguir, serei sempre o mesmo apaixonado, que foi enfeitiçado pela Princesa mais linda que eu já conheci.

Obrigado por fazer esse ano, definitivamente o melhor da minha vida, por amar tanto nossa baixinha, obrigado por cuidar de todos nós e me conceder a dádiva de conhecer o amor de verdade, de coração, de alma, de entrega!

Espero que algumas dessas palavras consigam chegar perto de mensurar a imensa felicidade que sinto estando ao seu lado.

Eu fecho os olhos, e sonho com a primeira vez em que te vi.

“O que você fez? O que você fez, pequena?”

Eu te amo muito! Feliz 1 ano de amor verdadeiro, Mulher de todas as minhas vidas! ❤

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s